Pasta:Ensino Particular e IPSS

Pastas / SPGL / Setores

shadow

Ensino Particular, Cooperativo, IPSS e Misericórdias - Processo negocial com as Misericórdias

No seguimento do processo negocial com a União das Misericórdias Portuguesas (UMP), a FENPROF participou numa concentração com o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) e a Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Funções Públicas (FNSTFPS), junto ao Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, durante uma reunião que ocorreu na DGERT, com vista à revisão das tabelas salariais. Ler mais

shadow

Plenário SPGL (Online) | 8 de abril | 17h30

Para participar faça a sua inscrição antecipadamente aqui.

Ordem de trabalhos:

  • situação decorrente das eleições legislativas
  • perspetivas negociais e para a ação reivindicativa
  • concursos
  • intervenção nas escolas e com os professores, educadores e investigadores

Participe!

shadow

FENPROF apresenta apreciação dos resultados eleitorais e anuncia ações a desenvolver

Após a reunião do Secretariado Nacional, a FENPROF divulgou aos jornalistas a apreciação que faz dos resultados eleitorais, tornou pública a sua posição em relação ao futuro próximo e anunciou as primeiras ações a desenvolver nesta nova conjuntura política. Ler mais

shadow

Abaixo-assinado da FENPROF | Norma transitória - bloqueamento na carreira das/os educadoras/es de infância em creche

A existência de uma norma transitória desde 2006 no Contrato Coletivo de Trabalho entre a CNIS e a FENPROF estabelece um bloqueamento na carreira das/os educadoras/es de infância em creche. Ler mais

Apelamos a que todas/os educadoras/es de infância a exercerem funções em IPSS subscrevam o abaixo-assinado da FENPROF.

Juntos temos mais força!

shadow

Eleições Legislativas 2024 | Jornal da FENPROF analisa programas dos partidos

A partir de um conjunto de objetivos reivindicativos de que foi dado conhecimento prévio aos partidos e coligações, a última edição do Jornal da FENPROF dá a conhecer as opções partidárias daqueles que têm assento parlamentar e avalia as propostas que integram nos seus programas eleitorais. Ler mais

Jornal da FENPROF [versão completa]
Propostas partidos [Educação pré-escolar, ensinos básico e secundário]
Propostas partidos [Ensino superior e investigação]

shadow

Abaixo Assinado | Desbloqueamento da carreira dos Educadores de Infância a exercerem funções em Creche

Estamos em negociações com a CNIS. A proposta da FENPROF é a eliminação da norma transitória que estabelece um bloqueamento da carreira das Educadoras em Creche.

A CNIS não mostra disponibilidade para desbloquear os níveis salariais.

Para pressionar a CNIS é urgente a assinatura do seguinte abaixo-assinado.

Todas as Educadoras podem assinar.

shadow

Acordo de Empresa da SCML, assinado hoje!

Decorreu em 24 de novembro de 2023, a assinatura do Acordo de Empresa (AE) negociado e acordado entre os sindicatos que compõem a Comissão Negociadora Sindical (CNS) e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML). O presente AE aplicar-se-á a um universo de cerca de 5000 trabalhadores e entrará em vigor no dia 1 de janeiro de 2024. Ler mais

shadow

Petições | Professores não abandonam a ação e a luta

As eleições previstas para 10 de março não fazem os professores abandonar a ação e a luta, ainda que possam adquirir outros contornos. Além de outras iniciativas e da participação em protestos mais gerais, a FENPROF está a levar a cabo quatro petições (assinatura online):

Recuperação do tempo de serviço congelado
Eliminar a precariedade na Profissão Docente
Por um regime específico de aposentação
Horários de trabalho justos e melhoria das condições de trabalho

Subscreve!

shadow

A nossa metodologia é maravilhosa. E é preciso estar sempre a melhorar

Para a nossa entrevistada, tudo começou quando ficou desempregada, como muitos outros trabalhadores da Covina, nos anos 80. Trabalhava, então, no Jardim de Infância da empresa. “Já aí tive muita sorte, porque fui parar a uma equipa pedagógica de professoras, de educadoras, mais velhas que eu, que já trabalhavam em pedagogia ativa.” Ler mais

shadow

Participar ativamente na construção do saber

A  primeira pergunta que se impõe, é: o que é que é singular no projeto educativo d’A Voz do Operário? 

Para Bárbara Ramires, “tem a ver com os pressupostos de inclusão, de cooperação, de olharmos para o indivíduo não como um aluno, mas como um cidadão, e ter assim uma formação mais ampla, uma formação para além do que são só os conteúdos programáticos”. Ler mais

shadow

Inclusão em contexto escolar de diversidades: desafio transversal

No decorrer da nossa experiência, enquanto professores, num determinado contexto escolar e tendo como referência o ensino privado, apraz-nos destacar que, no caso concreto, o estabelecimento escolar é frequentado, largamente, por alunos que pertencem a um estrato social que se qualifica como médio/alto, o que condiciona, também, as expetativas das famílias de acordo com o padrão da rede e do habitus a que pertencem. Ler mais

shadow

A necessidade e exigência de valorização da profissão e da Escola Pública

Dia 6 de setembro, n’A Voz do Operário, mais de 500 ativistas, delegados e dirigentes sindicais, estiveram reunidos para preparar a estratégia da FENPROF e dos seus diferentes sindicatos para o ano letivo que agora se inicia. Um ano letivo que, como salientou Manuela Mendonça, na sua intervenção a abrir os trabalhos, “é o ano em que vamos comemorar os 50 anos do 25 de Abril. Ler mais

shadow

Ação reivindicativa

A contratação coletiva é um direito exercido pelos sindicatos, na defesa dos direitos e interesses dos trabalhadores. Para o SPGL no âmbito da FENPROF, a luta sindical no Ensino Particular e Cooperativo, IPSS e Misericórdias, tem tido como prioridade a negociação de Convenções Coletivas que garantam melhores condições de trabalho, nomeadamente, carreiras e salários dignos do exercício da profissão docente nestes setores de ensino. Ler mais

shadow

Modelo de certificação do tempo de serviço docente em creche

Durante vários anos o SPGL e a FENPROF lutaram pelo reconhecimento do tempo de serviço em creche como serviço docente, tendo desenvolvido várias iniciativas para esse efeito, nomeadamente reuniões com o Ministério da Educação, com os grupos parlamentares e ainda concentrações de educadores de infância junto às instalações daquele ministério. Após insistência da FENPROF junto da DGAE, finalmente foi disponibilizada a declaração do tempo de serviço docente em crecheLer mais