Pasta:Ação Sociocultural

Pastas / SPGL / Dep. Aposentados

shadow

“O meu livro quer outro livro” de 9 de fevereiro - “Notas sobre a obra de Manuel de Arriaga”

Em 9 de fevereiro de 2017, aconteceu mais uma sessão de “O meu livro quer outro livro”, organizada pelo Departamento de Aposentados e pelo Departamento da Cultura do SPGL. O tema, “Notas sobre a obra de Manuel de Arriaga”, foi brilhantemente tratado pela colega Delfina Porto.
Veja aqui a reportagem fotográfica

shadow

"O meu livro quer outro livro" - Conversa com Rui Vieira Nery

26 de janeiro, 18H30
Para uma história do fado. Momento musical e jantar

Fim de tarde cinzento, em Lisboa.
Depois das palavras de Teresa Santos a situar o trabalho e as diversas componentes do belíssimo currículo de Vieira Nery, nada melhor que ouvir o seu coração falar: “gosto de música, gosto de refletir e gosto de partilhar!”
E foi assim noite dentro que uma privilegiada sala cheia escutou, atenta e participante, um homem apaixonado pelo que faz, pelo que tem feito. E não parece ser pouco…(...)
Veja aqui a reportagem fotográfica

shadow

"O meu livro quer outro livro" - à conversa com Miguel Horta

Dia 12 de janeiro: “O meu livro quer outro livro”- conversa com Miguel Horta,  dinamizador do projeto "A cor das Histórias", em estabelecimentos prisionais no Espaço ABC, às 15,30 horas.

A sessão “O meu Livro quer outro Livro” de 12.01.17, na Sala de Reuniões do 4º andar da Sede do SPGL, iniciou-se com a habitual troca de livros. Foram entregues: “Em Nome do Pai” de Nuno Lobo Antunes, “O Último Cais” de Helena Marques” e “As Coisas que nunca dissemos” de Carl Levy.

Veja aqui a reportagem fotográfica

shadow

O Meu Livro Quer Outro livro trouxe, no dia 7 de dezembro, a escritora de livros infantis, Manuela Castro Neves e a sua obra.

Manuela Castro Neves diz nunca ter sido uma professora "tradicional", mantendo-se sempre atenta a novas práticas pedagógicas que pudessem cativar mais os meninos, ouvir e seguir mais os seus interesses.
Confidenciou-nos que, por ser uma autora modesta, se sentia muito honrada por partilhar um espaço antes ocupado por escritores como Mário de Carvalho e João de Melo, dizendo não ser seu hábito apresentar os seus próprios livros e lamentando que a sua falta de tempo a tenha impedido de acompanhar o projeto do “Meu Livro” (...)

shadow

VESTIGIOS INDUSTRIAIS - O TRABALHO E A HABITAÇÃO: Estrada da Circunvalação e Convento da Madre de Deus e Museu Nacional do Azulejo

A Estrada de Circunvalação: Em 1852, uma estrada circundava os novos limites da cidade de Lisboa, começando em Alcântara passava por Pedreira, (...)
Da Morais Soares até ao Tejo: Vamos calcorrear o último troço da Estrada da Circunvalação, desde a Rua Morais Soares até à Calçada da Cruz da Pedra (junto à Madre de Deus/Museu do Azulejo),(...)

Veja aqui a reportagem fotográfica

shadow

Visitas Culturais

1. Exposições de pintura de Amadeo Sousa Cardoso e Joan Miró - 20-21/12
No Porto estão em exposição as obras de dois extraordinários Pintores... que não precisam de apresentação... vamos vê-las e senti-las em visitas guiadas. Não perca a oportunidade.
2. de Marvila ao Poço do Bispo - 9/12
Na continuação da "descoberta" dos vestígios industriais na zona Oriental da cidade de Lisboa vamos agora percorrer a zona "de Marvila ao Poço do Visto", visitar a Igreja de Marvila e terminaremos com a visita à Fábrica do Braço de Prata hoje um pólo cultural  notável. Aí jantaremos e assistiremos ao concerto musical.
Vejam os programas em anexo e inscrevam-se.

shadow

VESTIGIOS INDUSTRIAIS - O TRABALHO E A HABITAÇÃO - Do Sítio de Xabregas ao Beato - reportagem fotográfica

A Zona Oriental de Lisboa foi um dos locais de arranque da industrialização oitocentista da capital. Até ao século XVIII, a zona, fora da cidade, foi sendo ocupada por hortas, mosteiros e palácios. É sobre os seus vestígios que as industrias e as habitações operárias se vão encaixando e amontoando.
Veja aqui a reportagem fotográfica